Preciosa

Estou, sem querer, repetindo o mesmo problema que tinha com o Fenômeno Phi, o blog antecessor do Direito e Subjetividade e que nunca cheguei a divulgar bem. De tanto querer escrever bem sobre os filmes, junto um monte e não escrevo.

Para espantar essa crise, vamos ao meu comentário rápido sobre Preciosa, talvez o filme “alternativo” dessa premiação do Oscar 2010. Minha impressão geral foi boa, pois o filme parte de uma história muito dura e, salvo raros momentos, respeita a trajetória da personagem – ou vítima – Preciosa, um exemplo de certas marginalidades incluídas-excluídas pelos sistemas de assistência social. Na narrativa, o que mais me incomodou foram os sucessivos cortes para os sonhos como num dedo persistente da produtora Oprah Winfrey, que quebram a realidade sem oferecer uma resposta em troca. Senti dificuldade em perceber, afinal, se era pra rir ou pra chorar nesses momentos.

No entanto, as atuações são muito boas, com destaque para a Mo’Nique, que faz magistralmente a mãe picareta da Preciosa. Além dela, Mariah Carey dá conta do recado ao encarnar uma assistente social padrão com boa dose de humanidade. Aliás, no meio de tantos momentos melosos que enfraqueceram o sofrimento evidente nesse drama, gostei de perceber uma visão muito otimista e respeitosa do serviço social como forma de pensar a subjetividade e interagir com os indivíduos. Talvez seja esse tributo que mais tenha me marcado, fazendo pensar como a “inclusão” formal pode e deve ser objeto de críticas.

Visto no Multiplex Tacaruna, 15/2/2010.

Anúncios

2 Respostas para “Preciosa

  1. um bom filme ruim. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s