Boaventura e o “ativismo” judicial

De lucidez impressionante esse artigo de Boaventura de Sousa Santos denunciando a revolução em marcha do pensamento jurídico-constitucional brasileiro, rumo a diversos retrocessos sob o argumento do Estado de Direito. Aliás, esses últimos 10 anos merecerão uma revisão crítica profunda, pelo que se fez de bom – e também de mau – na dogmática em várias áreas. Há ativismo do bem, mas também há ativismo do mau. Se temperar com jurisdição constitucional, era dos princípios e neoconstitucionalismo, azeda bonito essa mistureba.

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/fz0412200909.htm

PS – está comovente essa tentativa da FSP/PIG de fingir que é democrática, plural e imparcial, após o botão de autodestruição apertado com o artigo de César Benjamim. Parece alguém de regime na frente de uma caixa de chocolates: tá se roendo por dentro, mas precisa fingir ter autocontrole. Veremos até onde os Frias levam esse fingimento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s