Os muitos dedos do acusador

Fato relevante esse dos atos libidinosos SUPOSTAMENTE praticados pelo turista italiano em Fortaleza  contra a filha. A ênfase na palavra deve-se ao esquecimento dela por quem mais deveria utilizá-la – delegados e jornalistas. Merece atenção essa história para que não se esqueça a importância de provas e, principalmente, do respeito ao estado de inocência dos suspeitos/acusados.

Link para o Blog do Nassif:

http://colunistas.ig.com.br/luisnassif/2009/09/08/continua-o-filme-de-horror-em-fortaleza/

Anúncios

Uma resposta para “Os muitos dedos do acusador

  1. Foi mais ou menos o que aconteceu naquele crime em Ouro Preto envolvendo RPG, a polícia simplesmente escolheu os culpados e ignorou depoimentos e evidências que indicassem a inocência deles.

    Por sinal, o caso foi encerrado em Julho desse ano, os 3 rapazes e a moça foram inocentados, mas nenhuma das emissoras ou jornais que fizeram alarde em 2001 se preocupou em noticiar isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s